“Memórias improváveis”

O passado veio falar do que não fiz
Veio atiçar as possibilidades
Criar novos enredos e destinos
Fez sentir outros sabores

O passado precisa aprender o que lhe cabe
Entender que sua história está contada
Que a chance não faz parte
E este gosto doce é apenas ilusão

Sem dúvida que seria melhor
Pelo que ele mesmo me ensinou
O passado precisa enxergar que se basta
Se ele mudar, quem serei eu?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s