“Viés” (15/02/2011)

Tenho medo
De que o beijo aprisione
A lembrança fique viva
Que só enxergue um futuro

Quando escolhi o nós
Preguei a liberdade
Só esqueci do meu abraço
Poderia não te deixar

Desejo tua felicidade
Longe da minha presença
Não é justo alimentar distâncias
Negando o agora por um encontro

Desconheço nosso resumo
Pela incerteza é que peço
Não façamos pensando em nós
Vamos proteger o intangível

Tenho medo
De que o beijo esmaeça
Em sentimentos exacerbados
Nossa única verdade

Ass: Danilo Mendonça Martinho

7 comentários em ““Viés” (15/02/2011)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s